3 Abril, 2014

Análise eco. fin.

7.1 - Quais os pressupostos?

Para efetuar as contas previsionais com o máximo rigor possível é necessário estabelecer um número elevado de pressupostos, como os que se referem de seguida:

  • Preço a praticar pela venda do vosso produto / serviço
  • Vendas previsíveis (deverão ser realistas)
  • Custos dos equipamentos necessários (já identificados no ponto 5)
  • Custo dos salários dos empregados e evolução do número dos mesmos
  • Outros custos...

Algumas dicas para a construção da parte financeira...

Deverás definir muito bem o preço que vais cobrar pelos teus produtos ou serviços. Deverás ter em conta os clientes-alvo que definiste nos pontos anteriores, assim como o mercado em que vais atuar. Se tiveres algo inovador para oferecer, ou tiveres uma localização privilegiada, a tua capacidade de cobrar um preço mais elevado é maior.

Exemplo: O bar das piscinas do Porto Moniz poderá cobrar um preço mais elevado pelos gelados do que os cafés à volta, pois está mais perto dos clientes. Se um gelado custar mais 20 cêntimos nas piscinas os clientes estão dispostos a pagar essa diferença, pois provavelmente não quererão sair do espaço para comprar o gelado mais barato.

Neste caso, a localização é um fator de diferenciação que terá influência na formação do preço.
A política de preços é essencial para o sucesso do teu negócio, pois é através dela que os clientes irão posicionar o teu negócio na sua mente. Nas tuas previsões, deverás pensar qual a quantidade que vais vender por dia/mês de forma a conseguires contabilizar qual o valor das tuas vendas anuais. Para chegares aos valores necessários deverás utilizar uma das seguintes fórmulas:

  • (quantidade média vendida por dia x preço por unidade) x (nº de dias por mês x n.º de meses)
  • quantidade média vendida por dia x preço por unidade x n.º de dias por ano
  • quantidade média vendida por mês x preço por unidade x n.º de meses

Deverás também fazer previsões sobre o investimento necessário, custos com funcionários (n.º de funcionários x salários) e outros custos necessários à realização do teu negócio (água, luz, comunicações, contabilidade, rendas e alugueres, etc…).

Este conjunto de dados permitirá, à partida, fazer uma previsão realista dos primeiros anos de vida da empresa, mesmo que muitos fatores não possam ser estimados com precisão.

Nota: Os dados recolhidos poderão ser registados em forma de texto e/ou tabela. Estes dados serão posteriormente utilizados para completar o ponto 7.2 e a respetiva matriz financeira.

7.2 - Demonstrações Financeiras Previsionais

Nesta etapa, deverás seguir as alíneas seguintes: 1- Efetuar o download da Matriz Financeira - Matriz Financeira Versão Office (excel) Nota: Para que não haja incompatibilidades de ficheiros entre utilizadores, deverás guardar sempre o ficheiro na versão excel 97-03, assim todos os utilizadores (excel 97-03, excel 07 e OpenOffice) terão acesso a todas as funcionalidades do ficheiro. Se tiveres alguma dificuldade em abrir e guardar a matriz financeira envia um pedido de esclarecimento para info@rs4e.com 2- Preenchimento da matriz financeira - utiliza os dados registados em 7.1 para efetuares o preenchimento da matriz financeira. Caso tenhas dúvidas no seu preenchimento poderás obter esclarecimentos no Guia de apoio ao preenchimento da matriz financeira ou ainda poderás contactar-nos através do e-mail info@rs4e.com 3- Análise dos valores obtidos na matriz financeira - após o preenchimento da matriz financeira deverás tirar algumas conclusões. Para tal copia e inclui o quadro com os resultados no plano de negócio (conforme abaixo apresentado) e identifica nessa tabela os valores da TIR, do VAL e do PAYBACK.
Scroll Up